quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Minha homenagem ao jegue.

Hoje um jegue vale  R$ 1,00. Quanta desvalorização ao animal que tanto nos serviu! Tadinho. Perdeu o valor. 


Na minha cidade era tanto jegue passndo prá lá, e prá cá, que em dia de feira se confundia com as pessoas

Parece exagero. Mas se não tivéssemos cuidado os danadinhos nos atropelava.


Gostava de vê-los. Achava-os bonitinhos.


Muitas vezes sentia pena dos animaizinhos. Muitos tinham um olhar tão triste!


Também pudera, carregavam nos caçuás quilos e mais quilos de produtos diversos.


Observava sua patinhas magrelas e morria de dó. Não sei como conseguiam se manter de pé com tanto peso!



 Mesmo cansados, abatidos eram trabalhadores disciplinados.


Muitas vezes arreavam as patas por não aguentarem o excesso de peso!

E prá piorar a situação em ver de afagos , ganhavam açoitamentos.

Oh Deus, quanta maldade.


Hoje, esses animais, enfim descansaram. Foram finalmente aposentados.Substituidos  por carros e motos.

É a evolução dos tempos.



Acho ótimo! Pelo menos  estão em seu habitat tranquilos e felizes. Não são mais explorados.


Temos muito a agradecê-los.

Lembram de Nossa Senhora no lombo de um deles , grávida do menino Jesus!
  
Bonita imagem!

Que Deus abençoe os jeguinhos de todo Brasil.

Amém.

2 comentários:

Selma Brasileiro disse...

Ei Sandrinha!
Quanto tempo em menina?
Adorei! Ainda bem que às vezes a evolução, ajuda!! Coitadinhos dos jeguis! Fico feliz pelo retorno deles ao seu verdadeiro habitat.

Tô com saudades! Estou tendo problemas de saúde na família. Minha irmã tem precisado muito de mim!

Mas é muito bom saber que voce está aí! E escrevendo coisas tão maravilhosas!!

Beijinhos, de quem muito te adora!

A neguinha maluca.

Sanbahia disse...

Selminha, que bom você em meu blog, fico muito feliz.
Melhoras para sua irmã.
Um cheiro.