segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Assobios e pirraças.


Perco as estribeira quando falo e não dão atenção.

Falta de educação. De respeito também!

E quando cantam ou assobiam.

Me dá uma vontade de esganar.Torcer o pescoçinho da criatura.

Respiro, conto até dez, e sigo adiante iradíssima.

De uns tempos pra cá, to conseguindo um certo controle diante de situação tão desagradável

Pra que me importar com fato nada relevante.

Fica feio pra quem o faz.

Resolvi , então,pagar na mesma moeda.

Se a pessoa mal educada canta, eu canto, e mais alto.

Se ela assobia , assobio mais alto também, e melhor.

Melhor, meu assobio?

Não é verdade. Tenho dificuldade em assobiar.

Puxo o ar pra dentro, e sai um assobio fraco e desafinado.

O maridão assobia bem.

Fico tentando imitá-lo, mas não consigo.

Oxe, o meu docinho de Minas, tá me pirraçando. Antes não fazia isso não!

Onde já se viu?

O come quieto, assobia quando reclamo de alguma coisa.

Pequena pausa:"Ás vezes exagero um pouco nas reclamações. E, repito-as ,até deixar o mineiro com a cabeça fervendo.Rsrsrsrs."

Isso é um tiquito de maldade, né?

Por isso que os homens dizem que falamos demais. E os irritamos.

Ora, mas eles retrucam com assobios, cantorias , bater de portas?

Criançolas que mal sairam dos cueiros.

Mas, quando meu maridão imaculado, assobia , respondo-o com meu forte e corajoso assobio.

Defendo-me.

São trocas de assobios e pirraças.

Ele não se aguenta.

Ri demais da conta.

Adora meu assobio rouco , desafinado e sexy

Derrete-se o mineirim.

E tudo acaba em love.

Rssss.

To abrasivamente apaixonda.

Ai!







Um comentário:

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Saaaaaaaaaan,

Ri demais com esse seu post, pense! Acho que vou começar a assobiar quando Jota Cê brigar comigo...ahahahaha.

Você é uma querida, viu?

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca


-