quinta-feira, 8 de julho de 2010

Caso Eliza.

Absurdamente atônita.

Abilolada com relatos monstruosos do caso Eliza Samurdio pela mídia.

Meu Deus, inacreditável. É um filme de terror dos mais pavorosos.

Jesus, Maria e José, o que está acontecendo com as pessoas? Perderam a noção do que realmente são e procuram ? Estão doidas? Viraram animais irracionais, selvagens?

Precisam ser enjauladas, não podem viver em sociedade.

Tentei , mas não consegui deixar de postar minha repugnância.

Gente,pedaços do corpo da menina foi jogada para cães!?

O que é isso? Sinto calafrios só de pensar em cena tão pavorosa.

Tinha asco, nojo, do Hannibal, personagem de Anthonny Hoppings.

Vejo que "hannibais" existem. Pior, não sei se Hannibal é qualificação para os assassinos de Eliza.

Não existe nome para Monstros.

Monstro é monstro, e pronto.

Certa vez soube de um assassinato brutal em uma certa cidade. O caso foi abafado. A jovem, linda, cobiçada, mas, sem recursos perdeu a vida de maneira covarde, desumana.

Nunca acharam o corpo nem seus assassinos.

A mídia não noticiou.

Eliza é só mais uma de tantas que são brutalmente réfens de carniceiros.

Resta-nos a palavra, a indignação.

Que os órgãos competentes sejam mais severos com os monstros que matam nossas jovens.

Um comentário:

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

É, San!

As notícias sobre esse caso cada dia são mais mórbidas. Me pergunto que tipo de educação umas pessoas dessas tiveram, porque não é possível tanta violência.

até mais.

Jota Cê