quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Genaro e a fala de Lula


Olhem o que nosso presidente falou sobre o desemprego alarmante dos jegues: "O presidente Luiz Inácio Lula da Silva demonstrou ontem preocupação com a geração de emprego, mas para os jegues do Nordeste. Em discurso na entrega do Prêmio de Desenvolvimento Regional, Lula enfatizou o crescimento econômico das regiões pobres e avaliou, com ironia, que o desenvolvimento está provocando o desemprego dos animais secularmente utilizados para transporte e carga, que estão sendo trocados por motocicletas".

Oxe, quem deve de tá gostano dessa história é Genaro. Primeiro devo apresentar-lhe essa figura maravilhosa: Genaro é um jegue vistoso, de olhar provocativo. Faz um sucesso enorme com as meninas. É só o bonitão aparecer para assanhar as jeguinhas.

Genaro não consegue ser fié, já perdeu as contas de quantos fios colocou no mundo. Diz ele que não resiste as investida safadinhas das jeguinhas. Nunca em sua vida deixaria uma jeguinha solitária sem a sua presença e carinho.

O probrema todo é que Genaro, líder dos jegues, burricos da região, já traçou seu plano de abandono ao trabalho há muito tempo.Cansou das injustiças. As cargas eram tão pesadas que quase arrebentaram sua coluna vertebral. Muitos de seus amigos , doentes, magros, desnutridos, foram morrendo a míngua sem nenhum atendimento justo dos patrões.

Nunquinha nessa vida tiveram salário, trabaiavam para receber comida e abrigo. Sofriam de escravidão, tal qual os cativos vindos da África. Muitos patrões disgramentos nem os acolhia nem lhes davam de comer. Se morressem eram substituídos por outros, num valiam de nada mermo. Pobres jeguinhos.

Genaro deu graças a Deus a vinda das tais motocicletas. Num gosta muito do barulho das máquinas. E nem das acrobacias dos motociclistas. Acha que muitos deles num tem amor a vida e morrem fazendo ultrapassagem perigosas. Tem veiz que passam parecendo que tão voando, levam quem tá na frente, num respeitam ninguém.

Genaro até que tentou junto ao Estado indenização para os jegues. Não o escutaram. O animal esperneou e recebeu adesões de outras classes de bichos.Foi uma verdadeira revolução no sertão. Mas, como se sabe nem sempre a justiça é feita em nosso país.

Inconformado, nosso ativista criou a Associação dos jegues boa - vida do sertão, por nada nesse mundo voltariam a ser burros de cargas de ninguém.

Para sobreviver , faz uma fotos aqui e acolá. Até venceu um BBB!

Vixe,nosso amigo arrebentou. De jegue labutador, injustiçado a celebridade!

O novo artista, se diz um jegue feliz.

Após tantos anos na labuta ficou com uma hérnia de disco que as veiz lhe aborrece.

Lembrança de um tempo que ficou para trás.

Recentemente entrou no pilates e tem tido uma boa melhora , até os remédios abandonou.

O bonitão, artista gosta mesmo é de se embrenhar na caatinga e namorar as jeguinhas.

Da fala de Lula, Genaro agradece, mas acha mió nosso presidente oiá outras coisa mais urgentemente urgentíssimas no nosso Brasil.




12 comentários:

Blábláblá na rede disse...

kkkkkkkkkkkkk...adooooooooooooooorei...vc é mara amiga...chero, parabéns pelo blog, é bom demaisssssssss....
Um chero.
Khelen

Sanbahia disse...

Khelen, esse Genaro é mesmo impossíve, rsrsrsrs.
Grata pela visita.
Cheiros.

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Sério que o Lula está preocupado com os jegues? Eita, Genaro está importante, hein.

até mais.

JC

Sanbahia disse...

Casal lindo, grata por visitar meu blog.Genaro ficou feliz tombém, rsrsrsr.
Cheiros meninos lindos.

Bia Oliveira disse...

Oi San, tudo bem?
Me faz feliz saber que você não "resistiu ao meu blog". Muito obrigada pelo carinho!

Estou conectada ao teu também. É uma ótima forma de me manter informada, pelo que já vi espiando ele, e além de tudo tem uma ironia deliciosa de se ler.. essa mesmo do Lula eu não sabia, e você ironizou muito bem, parabéns!

Beijo

Laura Antunes disse...

Sandra, o problema da matutada estar abandonando o jegue pelas motos, é sério. Lula não entendeu que o abandono dos jegues nas estradas nordestinas é muito sério. Uma pena

Dona Lô disse...

Sandra, querida o Genaro é lindo!
Mas vc que gosta dos "bichim, tanto quanto eu, poderia fazer um post especial sobre o desprezo que atualmente se tem pelos jegues. E olhe, o jegue é um assunto da maior importãncia. E acho que Lula deveria sim tratar dele. Mas acho que falou pouco. Poderia ter falado mais e ter feito mais pelos "bichim". Talvez você se interesse de reproduzir em seu blogue a matéria abaixo
VIDA BRASILEIRA - Salvem o jegue
Substituído pelas motos, o jumento nordestino hoje vale menos que uma galinha e é recusado até pelos matadouros

TIAGO CORDEIRO, DE SALVADOR
http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EDG50761-6014-223,00-SALVEM+O+JEGUE.html

Sanbahia disse...

Laura, grata por opinar. Os nossos burricos merecem ser olhados com mais carinho.Nenhum animal deve ser abandonado a própria sorte.
Um grande abraço.

Sanbahia disse...

Bia , prazer em ter você em meu blog.
O problema dos jeguinhos têm que ser analisado com carinho. Os bichinhos não podem ser abandonados.
Um cheiro procê.

Sanbahia disse...

Dona Lô, você é um encanto. Eu, Genaro e todos os jeguinhos agradeçemos o seu carinho.
Aceito sua sugestão e vou fazer o post. Não é justo o que estão fazendo com nossos animalzinhos.
Um cheiro cheio do meu carinho.

Betina disse...

Sandra, sou uma apaixonada por jumentos. Acho uns animaizinhos lindos. É preciso uma campanha pela preservação deles. Os donos são uns ingratos e os abandonam nas estradas nordestinas. Fico triste de Lula não ter falado sobre isso.

Valberto Góes disse...

O personagem do Genaro resultou de uma excelente criatividade de sua produtora. Cara de grande estrela, veio a este mundo com a cara virada pra Lua. Arre egua! Só pisou na bola quando participou da porcaria intitulada BBB.
Valeu, Sandra! Gostei.